Tecnologia do Blogger.

Colete de segurança para bebê

Olá mamães, acho que não havia contado ainda sobre a matéria que fizemos para o Jornal do Almoço da RBS Tv, afiliada da Globo aqui em SC.

Foi sobre o uso do colete de segurança em bebês.

Confesso que não tinha usado ainda o colete, pois na verdade eu fiz ele na tentativa de ajudar ele a andar, mas no final das contas um lençol na cintura foi mais eficiente naquela época.


Mas quando vi que eles procuravam alguém, só pensei no Dudu aparecendo na Tv e não resisti!!!
Não gostei, óbvio, da chamada que fizeram. Afinal eles primeiro deveriam saber o que estão falando já que coleira é o que vai no pescoço, o que não é o caso!!

Achei sim bem prático pra andar com ele na rua, evita uma bela dor nas costas!! Sem contar que de jeito nenhum ele se solta, como acontece quando está apenas segurando na mão. Quem nunca viu uma mãe ou um pai saindo correndo atrás do filho que está indo direto pro meio da rua, e vamos combinar: eles são uns foguetinhos!!



Depois da entrevista na tv, conversando com uma conhecida ela disse que achou excelente o colete, afinal ela como avó já não tem o mesmo pique e não consegue andar com o neto na rua, pois ele com 1 ano e meio é muito rápido e ela não alcança. Não consegue nem ir na padaria...


Assim como o carrinho, ele deve ser usado para fazer trajetos, mas depois que começa a andar eles já não querem mais o carrinho. O colete tem a vantagem também de deixá-los com as mãos livres, podendo pegar as coisas, segurar brinquedos. E eles pegam o equilíbrio muito mais fácil do que andar com as mãos pra cima segurando na nossa. (Experimenta você andar com o braço erguido!)

Enfim, acho muito válido o acessório que já é muito usado fora do Brasil, mas aqui o povo se diz tão moderno, mas basta chegar uma novidade pra todo mundo reclamar.

Lembro bem de matérias sobre o Sling, que diziam que era um saco, um pedaço de pano, que o bebê era carregado de qualquer jeito e por aí foi... e isso nem faz muito tempo!! Eu estava grávida!! Ou seja, não tem nem 2 anos. Agora ele já está mais aceito pela sociedade.

Acho que a opinião mais importante é de quem tem filho: a mãe e o pai, ou o responsável, quem cria e cuida.
A segurança do colete foi aprovada sim, agora é acostumar com a idéia e começar a sair na rua com ele.
Eu mudei de idéia, achava muito estranho sair com o bebê assim, mas depois de usar vi que fica realmente muito prático e seguro.

O título e alguns termos usados é que não soaram muito bem, mas é de bafão que a mídia vive não é mesmo?






Quem tem, quem já usou? Deixem a sua opinião!



3 comentários:

Salua 7 de dezembro de 2011 15:01  

Oi Deisy,

Amiga parabéns pela materia e pela entrevista.
Estou pensando sério em comprar um para meu filho, morro de medo de perder ele quando formos para locais mais cheios como shoppings.

sheR 7 de dezembro de 2011 16:46  

Deyse, o Dudu tava lindão correndo de um lado pro outro, kkkkkkkkkkkkkkk
E aparecendo na TV que chique ein???
bjãO e tou te seguindo viu?

Postar um comentário

  © NOME DO SEU BLOG

Design by Template Para Blogspot